Fale conosco

(61) 3702-6602/3039- 6602

Ponto de atendimento

Agenda sua avaliação grátis

Veja as novidades

Acesse nosso blog

5 dicas para estimular a audição no dia a dia

Você já pensou em como pode estimular e melhorar a sua audição no dia a dia? Essa é, inclusive, uma dúvida comum de muitos pacientes com perda auditiva.

Se não tiver pensado nisso ainda, é compreensível. A audição costuma ser um sentido que as pessoas negligenciam no decorrer da rotina e esquecem de cuidar direito.

É só parar para pensar um pouco. Você limpa o seu ouvido diariamente? Usa cotonete para fazer a limpeza? Você se preocupa se o volume do fone de ouvido ou da TV está alto demais?

Por que não usar hastes flexíveis para limpar os ouvidos?

Neste artigo você irá aprender 5 dicas simples e práticas para estimular a sua audição no dia a dia da forma correta. E já adiantamos: é possível, sim, ouvir um pouco melhor inserindo alguns cuidados básicos na sua rotina. Confira!

Como estimular a audição no dia a dia?

1) Limpe corretamente o seu ouvido

Será que você está fazendo a limpeza do seu ouvido da maneira correta? Essa é uma das principais práticas que farão com que você estimule e melhore a sua audição no dia a dia.

É fácil de entender: se não existe sujeira em excesso nem nada obstruindo o canal auditivo, o ouvido fica mais limpo e consegue captar os sons melhor.

Para isso, é importante que você procure limpar tanto o canal externo (mais próximo da orelha) quanto o interno (a tuba auditiva).

  • Canal externo: só é necessário tirar o excesso da cera e não ela toda. Remover essa quantidade extra serve para que os canais auditivos não fiquem entupidos (isso pode causar zumbido, incômodo ou coceira, o que dificulta ouvir claramente). Prefira por outros recursos mais seguros ao invés do cotonete, como pingar poucas gotas de óleo mineral ou soro fisiológico logo após o banho;
  • Canal interno: doenças como resfriado ou até mesmo sinusite entopem a tuba auditiva interna, com fluidos e mucosa, prejudicando a audição. Nesses casos, para limpar esse canal de forma simples, uma dica é fechar a boca, tapar as narinas com os dedos e tentar assoar o nariz.

Infecções de ouvido: tire suas dúvidas sobre o assunto

2) Pratique exercícios físicos

Já imaginou que além de deixar o corpo em forma e colaborar para a saúde como um todo, a prática de atividade física também estimula a audição?

Isso acontece porque esse tipo de atividade melhora a circulação no ouvido e, consequentemente, o funcionamento do aparelho auditivo, especialmente os exercícios aeróbicos (aqueles que trabalham a respiração).

Então, uma boa ideia é fazer uma caminhada todos os dias pela manhã, por exemplo.

Leia também:

Checklist para envelhecer bem

3) Tente ouvir música enquanto trabalha ou estuda

Incluir a música em tarefas comuns no seu dia a dia vai ajudar a melhorar a sua audição e, ainda, potencializar o seu poder de concentração.

Por isso, enquanto estiver trabalhando ou estudando, coloque uma música em um volume agradável de fundo.

Depois que já se acostumar com o som, procure reparar em detalhes, como os instrumentos que estão sendo tocados, as variações do refrão e a voz do artista.

Mas lembre-se: sem exageros, certo? O volume da música deve estar baixo para não ter o efeito inverso e acabar prejudicando mais a sua audição.

4) Passe a prestar mais atenção nos sons do seu dia a dia

Além da música, reserve um espaço no seu dia para se concentrar nos sons ao seu redor.

Pare um momento curto na sua rotina, feche os olhos e comece a reparar mais nas conversas e vozes das pessoas, nos barulhos dos carros, de alguém digitando no teclado, do vento batendo nas folhas das árvores e nos pássaros.

5) Invista na alimentação

A alimentação também tem grande influência na sua audição. Entenda melhor abaixo o que você precisa evitar e quais são os alimentos mais indicados.

  • Evite: alimentos com alto índice de gordura saturada (aumentam o colesterol no sangue e dificulta a circulação sanguínea) e comidas muito salgadas (podem colaborar para o acúmulo de fluidos no interior dos ouvidos);
  • Prefira: alimentos que estimulam o funcionamento do ouvido, como salmão, nozes, frutas, verduras e legumes, além de sementes e cereais integrais, pois são ricos em vitaminas importantes no combate aos efeitos do envelhecimento (como a perda gradativa de audição), melhorando a circulação no sangue e o funcionamento dos nervos do ouvido.

Entenda mais em: Por que perdemos a audição na velhice?

Atenção: você está com alguma dificuldade para ouvir ultimamente?

O seu interesse nesse texto nos faz questionar: você está nessa situação ou conhece alguém que está tendo dificuldades para ouvir ultimamente?

Veja se algum desses sintomas fazem sentido para você:

  • Não consigo entender o que as pessoas estão falando;
  • Peço sempre para os outros repetirem o que acabaram de falar;
  • Não ouço quando sou chamado;
  • Preciso sempre aumentar o volume da TV.

Caso tenha se identificado, leia também este outro artigo Como saber se está perdendo a audição e alivie essa dúvida.

Os-tipos-mais-comuns-de-deficiência-auditiva-e-como-identificá-las
Os tipos mais comuns de deficiência auditiva e como identificá-las

Compartilhe

FAÇA UM TESTE GRÁTIS

    Mais posts